quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Escolha

As brincadeiras não cabem mais.

Ela fez sua escolha, é ele quem ela quer.
Espera ansiosamente pelo seu sorriso, seu cheiro e finalmente... SEU CORPO.
Se toca todas as noites pensando nele.
Sua buceta fica enxarcada de tesão.
Sua boca saliva.
Ela finalmente pensa: Será que ele não tem fome?

P.S.: Aos poetas, feliz dia a vocês, comemorem bastaaante!

9 comentários:

Fernando Amaral disse...

Eita cabra de sorte. Ou não, né...

Beijo. Continua ótimo o blog.

Tara Flux* disse...

Ahhhh, eu tenho fome. E como tenho! hahaha

AMEI a foto, adorei o layout!

Beijos, Luu!

O gerente disse...

Guarda essa vontade que vaza dentro de um balde, que quando eu chegar eu bebo tudo. Beijos!

Jaque disse...

Que foto linda!!! =)

Lou Albergaria disse...

Não sabia que ontem foi o dia do poeta. Que pena!

Lindo seu post! Delicioso!

BEIJÃO!!!

menina fê disse...

putz...
essa é uma foem que nunca acaba! rsrs


bjs, lud.

EK disse...

Poético e escitante.

Millady disse...

Retribuindo a visita e deixando um beijo.

Obrigada por estares ai...

Sentimental ♥ disse...

ih, o tempo dele é diferente do tempo delas... rs
bjs