domingo, 17 de junho de 2007

Quem sou eu?

Não sei ao certo, só sei que nada sei... O que eu acho?
Acho que sou Ludmila, menina de 16 anos, mulher de 40 ou criança de 5... tanto faz!
Sou leonina, tento me fazer de forte, mas no fundo sou como um cristal por dentro; e chego a ser demasiadamente inocente. Me desdobro para aliviar a carga dos meus semelhantes. Tão simples que a cada dia se torna complicado...
Antes eu estudava para tentar mudar as pessoas, criar um mundo melhor, hoje, estudo para ganhar dinheiro, como a maioria das pessoas...
Sou volúvel e apaixonada pela vida e pela natureza; gosto de gente e de ficar sozinha.
Gosto de Iron maiden e de Chico Buarque.
Admiro as pessoas que dão cara a tapa e são fortes; E acho pior que a dor dos lagos infernais é perder o direito de sentir. Nem que seja um beliscão, mas me dê. Quero sorrir até a barriga doer e chorar até ficar com cara de sapo.
Sou útil e fútil...
Quero um filho adotivo;
Gosto de pequenas coisas, pequenos gestos e poucas palavras;
Não sei mais o que espero da humanidade e nem sei se ainda acredito em certos seres humanos;
Sou mais homem que muito homem;
Tenho a cabeça no lugar e sou louca;
Gosto de teatro, cinema, livros, saídas, amigos, conversas de botas batidas...
Não consigo entender a falta de compaixão e as pessoas que ainda tem dedos para apontar os erros dos próximos mas que não enxergam os próprios erros...
Quer saber? Acho o imperfeito incrível...
Ninguém é perfeito e não temos direito de exigir isso...
O que precisamos fazer é tentar compreendê-los.
E tenho uma vida que, sinceramente você não vai querer tentar entendê-la.

Um comentário:

Darth_Fred disse...

adoro saber que existem pessoas como vc no mundo... tão conservadoras e loucas... tão seletivas e ecléticas... o 8 e o 80... o sol e a chuva... o mar e a montanha...