sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Um dia, um pecado.


Durante o carnaval tive de voltar ao trabalho, que é um escritório de advocacia que tenho no centro da cidade do Rio para atender um cliente marcado. Logo, cheguei cedo, tomei um café para acordar, liguei o ar, o computador e revisei alguns trabalhos pendentes. A campainha tocou e fui atender. Era Marco, meu novo cliente que chegou a mim por indicação. Não sabia como ele era, mas muito me agradou sua aparência. Tinha um rosto bem masculino, usava um óculos que o deixava muito bonito e apesar de eu não gostar de loiros, ele era muito charmoso, além de exalar um perfume que deixava rastros pelo escritório. Mas como tento não misturar as coisas, fui direto me apresentar para que ele contasse o motivo da sua vinda a mim. Mas, não foi isso que aconteceu. Ele deve ter percebido meus rápidos olhares ou simplesmente ficou louco comigo, pois me olhou quase me comendo com os olhos. Eu não evitei. Ele se aproximou e passou a mão pelos meus cabelos, vendo que eu deixaria ele avançar, ele não perdeu tempo. Me jogou contra a parede e beijou-me com desejo, sofreguidão. Eu não podia dizer não. Estava sem beijar alguém há três meses, meu corpo subia pelas paredes e só de pensar na hipótese disso acontecer. E aconteceu. Tinha um cara na minha frente me beijando, eu sentia já o volume nas suas calças roçando em mim e logo ali, no meu escritório. Onde jamais imaginei. Mas covardemente não o parei. Resolvi me render ao meu maior pecado cometido: a luxúria. Eu estava adorando ver a calça dele ficando cada vez mais apertada de desejo por mim. Como eu não sou uma mulher desprevenida, ando sempre muito bem arrumada, pois casualidades são bem-vindas! Então eu usava por baixo da saia uma meia calça preta de renda com a cinta liga e sem calcinha, pois adoro andar "livre". Meu sutiã, combinando, claro! Fazendo meu par de lingerie preto, que é básico e...fatal. Como eu disse, fatal! Quando ele arrancou minha saia, que abria com um botão ao lado e me viu daquele jeito, enlouqueceu! Colocou minha barriga em seu ombro, carregando-me até a mesa. Antes de me colocar, com a outra mão livre, jogou todas as pastas e canetas no chão e me colocou sentada bem na beiradinha. Pegou duas cadeiras altas e colocando-as afastadas, pôs meus pés em cima das duas. Se ajoelhou e foi muito feliz. As mãos de Marco entrelaçavam minhas pernas e seguravam meu bumbum. Eu já não conseguia pensar em mais nada, a não ser em nosso prazer. Puxei o cabelo dele e esfreguei seu rosto com aquela barba por fazer em meu sexo. Roçava forte e era tanta a vontade que eu não iria aguentar. Ia gozar a qualquer momento. Eu estava molhada, meu doce escorria por minhas pernas bambas que imploravam por mais e ele não deixava passar sequer uma gota, me lambia toda, estava faminto! E eu gozei... Uma, duas, três, quatro vezes... Estava completamente com o corpo mole. Ele poderia fazer o que quisesse que eu não tinha forças. Meu corpo ia caindo na mesa aos poucos, até eu me deitar toda e minha cabeça, que a mesa não cobria, ficava do lado de fora, vendo o mundo de cabeça para baixo... Ouvi um barulhinho diferente. Foi quando fui pega de surpresa com um estalo na minha perna. Era o cinto dele, fiquei vermelha, mas confesso que morri de tesão e meu prazer de novo escorria pelos dedos dele... Me olhou com cara de safado, pegou meus dois braços, prendeu com o cinto, abaixou as calças, tapou minha boca com uma das mãos e com a outra se conduziu ao meu sexo, começou bem devagar, o que me deixava louca para ter mais e ficando cada vez mais irrigada e sem eu esperar, enfiou rápido, com força. Dei um grito, que foi abafado com as mãos daquele homem. E ele manteve o ritmo, num vaivém frenético, fazia uns sons de quem está em seu deleite, quase lá, quase, quase e Ahhhhhhhh, nós dois prendemos a respiração no exato segundo, fechamos os olhos e deixamos jorrar o líquido mais delicioso de nossos corpos...
E esse, foi só o primeiro dia de carnaval...!

24 comentários:

Flores Atiradas disse...

Carnaval agitado hein ! AMEI (6)

Tessa disse...

mas q feriado bem bão esse hein...
isso me lembra q tenho q sair da minha seca ahauahauahauahauhaau

bjs

Léo disse...

Hmm... faz me lembrar do meu último conto.. rs rs... ;)

Adorei! Precisamos trocar aquelas idéias via MSN! ^^

Morsi baci!

MELISSA S disse...

CARALHOOOOOOOOO, ISSO É VERDADE?????????????

Deliciosamente Atrevida disse...

Nossa...

Menina muito bom hein... conto ou não está de parabéns.., Eu adoro andar sem calcinha rsrs!!


Bjo Grande!

Rodrigo e Nina disse...

pqp!!! só o primeiro dia???rsrs

sempre saio de pau duro daqui, coitada da nina que ta acordando aqui do lado....rsrs

{Nanda}_A disse...

Uauuuu

que carnaval!!!

bjs

Welker disse...

então quer dizer que a igreja acertou no feriado?

agora entendi a frase na minha caneca de leite quando eu era criança. "nós somos todos coelhinhos" :T

Aqui - Ali - Acolá disse...

Puxa vida Amarelinha, já estou ficando roxo de loucura ao ler esta doçura que aqui postaste.

Hum..Que bom.

Continua assim pois estou adorando
esta coisa que ferve em mim como se
fosse um mar de prazer sem fim..

Bjinhos

Apogeu disse...

Uau, que delicia de conto!!!, caramba, se esse foi so o primeiro dia?, delicia de carnaval hein!, ancioso pelo restante.

xupadinha do apogeu

Camila Goneli disse...

Estou conhecendo seu blog agora, e gostei muito, vc é muito talentosa. Parabéns!!!
Estou adicionando aos meus favoritos.
Visite: sonhosdelirios.blogspot.com

LEO disse...

UAU! que tesao de trepada!
Tesão seu blog!
Deixa a porta entreaberta q vou entrar aq!
Beijosss do LEO

Fernanda! disse...

Fantastico!!!

Me tirou arrepios aqui ahahaah


Passa la no brisa feliz e pega um presentinho pra vc, mais vai logo pq já ta acabando, viu?

Bjos de luz e uma semana iluminada pra ti.

Lipe M.T disse...

66'

OMG...

Imaginei o resto do carnaval como é que foi...

Ah, mulheres...

Conto excitante...

Fato.

♫Pri disse...

Pois eu bem acho q é isso mesmo...
tÔ me importando demais com coisas q não devo.

Bjo linda.

esse conto hein,perfeito.

Mayone Mayne. disse...

história de carnaval :) adoro seus contos.

Mayone Mayne. disse...

http://milalegre.blogspot.com/

Mayone Mayne. disse...

dediquei um selo pra você :) vai lá no meu blog dá uma olhadinha! beijooos.

Olavo disse...

Belo conto..belo carnaval..
Tambémtenho um escritório de advocacia e gostaria de saber pq issonão acontece no meu rs
beijão

Léo disse...

Ahh... pq eu nunca encontro contigo no MSN?! =/

Wanna talk to ya... ^^

Morsi baci!

Léo disse...

Adiciona meu gtalk! ;)

leo.g.leao

Ou skype, MSN é bloqueado no trampo!

Beijo mordido!

Branca disse...

Nossa...sei nem o que dizer...perdi o fôlego rs rs.

Muito bom!!!
bjos!

Olavo disse...

Tem selo e homenagem para vc lá no blog..
Beijão

Fernando Amaral disse...

Eu diria que issa dá... samba.